Umberto analisa Sampaio Corrêa e comenta sobre retornos. Confira!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O Guarani reencontrará seu torcedor neste sábado (20), às 16h30, na partida diante do Sampaio Corrêa, no Brinco de Ouro. Após o revés sofrido na estreia diante do Fortaleza, o Bugre volta atuar em seus domínios em busca da reabilitação na competição. O técnico Umberto Louzer concedeu entrevista coletiva no fim da manhã desta sexta-feira (20), projetou o confronto e analisou algumas possibilidades para o confronto.

“Temos pela frente um adversário que tem por característica um estilo de jogo que ainda não enfrentamos. Eles atuam com marcação individual no campo defensivo e foi justamente em cima disso que trabalhamos e demos ênfase durante a semana para que possamos criar situações para sair desse encaixe de marcação” , disse o comandante.

Umberto explicou a situação do atacante Bruno Mendes e confirmou a ausência do artilheiro: “Antes do jogo contra o Fortaleza o Bruno sentiu um incômodo e ficou tratando. Já nesta semana ele chegou a mim para pedir para ficar a disposição mas ele ainda refere um pouco de dor quando faz movimento de chute. E por ser um atacante e necessitar desse fundamento, com a limitação, não conseguiremos levá-l0. Portanto ele vai continuar fazendo o trabalho de fortalecimento para estar apto na terça-feira”, afirmou.

O treinador ainda aguarda por alguma peças mas entende o momento do mercado: “Estamos em busca. Precisamos de algumas peças. Sabemos que o campeonato é longo. Já passamos alguns nomes para a diretoria mas temos que levar em consideração que o mercado está bastante movimentado e inflacionado. Estamos tendo cautela neste primeiro momento. Mas precisamos de um grupo qualificado e quantificado porque é um campeonato diferente da Série A2”, explicou.

Por fim, Louzer comentou sobre os retornos de Baraka e Bruno Nazário: “São dois atletas que vinham jogando. Que estão com ritmo de jogo e que possuem muita qualidade. O Nazário é um atleta diferente por conta da questão do drible e o Baraka é a nossa liderança defensiva que tem boa leitura e me dá o equilíbrio defensivo. Acredito que são dois atletas que vão acrescentar bastante e junto com àqueles que estarão em campo contra o Sampaio farão o melhor para conquistar a vitória dentro de campo”, finalizou.

Confira a entrevista coletiva

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email