Guarani x Londrina: dados e informações do confronto

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

FICHA TÉCNICA 

GUARANI x LONDRINA
Competição: Série B do Campeonato Brasileiro
Rodada: 29ª
Data: 09/10/2021 (sábado)
Horário: 16h30
Local: Estádio Brinco de Ouro
Cidade: Campinas (SP)

ARBITRAGEM
Árbitro: Léo Simão Holanda (CE)
Auxiliar 1: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE)
Auxiliar 2: Cleberson do Nascimento Leite (CE)
Quarto Árbitro: Lucas Canetto Bellote (SP)
Analista de Campo: Carlos Augusto Nogueira Junior (SP)

Árbitro de Vídeo: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
Assistente VAR: Ciro Chaban Junqueira (DF)
Observador do VAR: Cláudio José de Oliveira Soares (RJ)

PENDURADOS
Carlão, Daniel Paulista, Eliel, Lucão do Break, Mateus Ludke, Rafael Martins e Rodrigo Andrade

DESTAQUES PRINCIPAIS

– A partida de hoje marca o reencontro do Guarani com seu torcedor após 589 dias. A última partida com presença de público no Brinco de Ouro foi em 28 de fevereiro de 2020, no empate sem gols com o Água Santa, pelo Campeonato Paulista.

– O Guarani vem de uma sequência invicta de seis partidas dentro de casa, com quatro vitórias (Brasil, Operário, CSA e Remo) e dois empates (Botafogo e Cruzeiro) no período.

– O Bugre tem, ao lado do Cruzeiro, a defesa menos vazada do segundo turno, com apenas seis gols sofridos em nove partidas.

– O Guarani tem um dos melhores ataques da Série B, com 37 gols marcados em 28 partidas (média de 1,32 por jogo). No total, 13 atletas diferentes balançaram as redes pelo Bugre: Bruno Sávio (8), Régis (8), Allan Victor (3), Bidu (3), Júlio César (3), Lucão do Break (3), Davó (2), Andrigo (1), Bruno Silva (1), Diogo Mateus (1), Mateus Ludke (1), Pablo (1) e Ronaldo Alves (1) – também houve um gol contra de Alex Silva, do Operário.

– Sete jogadores formados recentemente na base já atuaram pela equipe na Série B (o zagueiro Tití, os laterais Mateus Ludke, Bidu e Eliel, o volante Pedro Acorsi e os atacantes Matheus Souza e Renanzinho). Os garotos revelados no Brinco totalizam 3.941 minutos em campo.

– O Guarani é o terceiro time da Série B com mais passes certos (média de 343 por jogo) e o quarto em efetividade na troca de passes (89,77%)

– Régis e Bruno Sávio estão entre os jogadores com mais participações em gols na Série B. O meia tem 15 (oito gols e sete assistências) e o atacante tem 13 (oito gols e cinco assistências)

– Com 62 interceptações em 25 partidas, o lateral-esquerdo Bidú lidera o ranking desse fundamento na Série B

– O volante Bruno Silva é o jogador com mais passes certos na Série B, com 1.471 (média de 54,5 por jogo). O capitão bugrino tem um índice de precisão de 89,59% – é a maior efetividade entre os principais passadores do campeonato.

HISTÓRICO DA TEMPORADA 2021 

Desempenho geral
41 jogos | 15 vitórias | 12 empates | 14 derrotas | 48 gols marcados | 47 gols sofridos

Desempenho como mandante
20 jogos | 8 vitórias | 6 empates | 6 derrotas | 23 gols marcados | 21 gols sofridos

Desempenho como visitante
21 jogos | 7 vitórias | 6 empates | 8 derrotas | 25 gols marcados | 26 gols sofridos

Campanha na Série B do Brasileiro
28 jogos | 11 vitórias | 9 empates | 8 derrotas | 37 gols marcados | 31 gols sofridos

Desempenho como mandante
14 jogos | 7 vitórias | 4 empates | 3 derrotas | 19 gols marcados | 13 gols sofridos

Desempenho como visitante
14 jogos | 4 vitórias | 5 empates | 5 derrotas | 18 gols marcados | 18 gols sofridos

ÚLTIMO JOGO
Brusque 2 x 0 Guarani, dia 02/10, no Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC), pela Série B

Escalação: Rafael Martins; Mateus Ludke, Ronaldo Alves (Luiz Gustavo), Carlão e Eliel (Diogo Mateus); Bruno Silva e Rodrigo Andrade; Andrigo (Júnior Todinho), Régis e Júlio César (Maxwell); Bruno Sávio (Lucão do Break). Técnico: Daniel Paulista.

PRÓXIMO JOGO
CRB x Guarani, dia 15/10, às 19h, no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), pela Série B

HISTÓRICO DO CONFRONTO 

Guarani e Londrina já se enfrentaram 12 vezes e a vantagem no retrospecto é do Bugre, com sete vitórias, um empate e quatro derrotas. A equipe alviverde marcou 19 gols e sofreu 11.

Em Campinas, o time bugrino também leva vantagem no histórico. Em cinco partidas, o Guarani conquistou três vitórias e sofreu duas derrotas. São 11 gols marcados e cinco sofridos.

Os artilheiros bugrinos no confronto são Zé Roberto (quatro gols), Osvaldo, Carlinhos, Fumagalli e Rafael Longuine (dois gols cada)

– Retrospecto geral contra o Londrina
12 jogos | 7 vitórias | 1 empate | 4 derrotas | 19 gols marcados | 11 sofridos

Primeiro jogo: 07/05/1967 – Guarani 6 x 0 Londrina (gols de Zé Roberto, três vezes, Osvaldo, duas vezes, e Carlinhos) – Estádio Brinco de Ouro (Campinas) – Amistoso
Último jogo: 09/07/2021 – Londrina 0 x 1 Guarani (gol de Bruno Sávio) – Estádio do Café (Londrina-PR) – Série B

– Retrospecto contra o Londrina em Campinas:
5 jogos | 3 vitórias | 2 derrotas | 11 gols marcados | 5 gols sofridos

Primeiro jogo: 07/05/1967 – Guarani 6 x 0 Londrina (gols de Zé Roberto, três vezes, Osvaldo, duas vezes, e Carlinhos) – Estádio Brinco de Ouro (Campinas) – Amistoso
Último jogo: 28/08/2019 – Guarani 1 x 0 Londrina (gol de Arthur Rezende) – Estádio Brinco de Ouro (Campinas) – Série B

– Retrospecto contra o Londrina na Série B:
7 jogos | 4 vitórias | 3 derrotas | 7 gols marcados | 7 gols sofridos

Primeiro jogo: 29/07/2017 – Guarani 2 x 3 Londrina (gols de Bruno Nazário e Genilson) – Estádio Brinco de Ouro (Campinas) – Série B
Último jogo: 09/07/2021 – Londrina 0 x 1 Guarani (gol de Bruno Sávio) – Estádio do Café (Londrina-PR) – Série B

HISTÓRICO NA COMPETIÇÃO 

– Retrospecto do Guarani na segunda divisão do Brasileiro
429 jogos | 164 vitórias | 114 empates | 151 derrotas | 526 gols marcados | 500 gols sofridos

Títulos: 1 (1981 – Taça de Prata)
Vice-campeonatos: 2 (1991 e 2009)

Primeiro jogo: 11/01/1981 – Guarani 1 x 0 Coritiba (gol de Careca) – Estádio Brinco de Ouro (Campinas)
Último jogo: 02/10/2021 – Brusque 2 x 0 Guarani – Estádio Augusto Bauer (Brusque)

– Retrospecto como mandante
215 jogos | 114 vitórias | 50 empates | 51 derrotas | 315 gols marcados | 200 gols sofridos

– Retrospecto como visitante
214 jogos | 50 vitórias | 64 empates | 100 derrotas | 211 gols marcados | 300 gols sofridos

Maior goleada como mandante
21/01/1981 – Guarani 6 x 0 Serrano-RJ (gols de Jorge Mendonça, três vezes, Careca, Ângelo e Lúcio) – Brinco de Ouro (Campinas)

Maiores goleadas como visitante
05/03/1983 – Maranhão 1 x 5 Guarani (gols de Marcelo, duas vezes, Luiz Müller, Everton e gol contra de Val) – Estádio Castelão (São Luís-MA)
25/11/2006 – Vila Nova 1 x 5 Guarani (gols de Alex Afonso, duas vezes, Danilo, Deyvid Sacconi e Túlio) – Estádio Jonas Duarte (Anápolis-GO)

COMISSÃO TÉCNICA 
Desde a estreia, em 28 de maio de 2021, a comissão técnica comandada por Daniel Paulista soma 28 jogos, com 11 vitórias, nove empates e oito derrotas. Foram 37 gols marcados e 31 gols sofridos.

NÚMEROS INDIVIDUAIS 

JOGOS

Geral: Bruno Silva (83), Bidu (80), Pablo (74), Bruno Sávio (71), Renanzinho (58), Rafael Costa (49), Gabriel Mesquita (46), Júnior Todinho (42), Índio (36), Andrigo (35), Julio César (34), Rodrigo Andrade (31), Eliel (30), Thales (29), Matheus Souza (28), Régis (27), Eduardo Person (24), Lucão do Break (24), Luiz Gustavo (24), Rafael Martins (19), Ronaldo Alves (19), Mateus Ludke (18), Allan Victor (17), Carlão (17), Tony (17), Diogo Mateus (16), Maxwell (10), Tití (7), Pedro Acorsi (4), Caio (3), Alan Leite (1), Ian Carlo (1), Lucas Cardoso (1)

Temporada 2021: Bruno Silva (38), Índio (36), Andrigo (35), Bidu (35), Julio César (34), Bruno Sávio (33), Rodrigo Andrade (31), Thales (29), Pablo (27), Régis (27), Lucão do Break (24), Gabriel Mesquita (23), Renanzinho (21), Matheus Souza (19), Rafael Martins (19), Ronaldo Alves (19), Allan Victor (17), Carlão (17), Tony (17), Diogo Mateus (16), Mateus Ludke (14), Eliel (13), Rafael Costa (12), Maxwell (10), Tití (7), Pedro Acorsi (3), Caio Henrique (1), Ian Carlo (1)

Série B 2021: Bruno Silva (27), Bidu (25), Bruno Sávio (25), Índio (25), Andrigo (24), Lucão do Break (24), Thales (24), Julio César (23), Régis (20), Rodrigo Andrade (20), Ronaldo Alves (19), Allan Victor (17), Carlão (17), Gabriel Mesquita (17), Pablo (17), Diogo Mateus (16), Rafael Martins (12), Renanzinho (11), Maxwell (10), Matheus Souza (9), Tony (9), Mateus Ludke (8), Tití (7), Eliel (6), Pedro Acorsi (3), Ian Carlo (1), Rafael Costa (1)

GOLS

Geral: Bruno Sávio (12), Júnior Todinho (11), Rafael Costa (8), Régis (8), Bidu (7), Andrigo (5), Júlio César (4), Pablo (4), Allan Victor (3), Lucão do Break (3), Renanzinho (3), Mateus Ludke (2), Bruno Silva (1), Diogo Mateus (1), Eduardo Person (1), Luiz Gustavo (1), Rodrigo Andrade (1), Ronaldo Alves (1)

Temporada 2021: Bruno Sávio (9), Régis (8), Andrigo (5), Julio César (4), Allan Victor (3), Bidu (3), Lucão do Break (3), Bruno Silva (1), Diogo Mateus (1), Mateus Ludke (1), Pablo (1), Rafael Costa (1), Rodrigo Andrade (1), Ronaldo Alves (1)

Série B 2021: Bruno Sávio (8), Régis (8), Allan Victor (3), Bidu (3), Julio César (3), Lucão do Break (3), Andrigo (1), Bruno Silva (1), Diogo Mateus (1), Mateus Ludke (1), Pablo (1), Ronaldo Alves (1)

ASSISTÊNCIAS

Geral: Bruno Sávio (11), Bidu (8), Régis (8), Júnior Todinho (4), Julio César (3), Andrigo (2), Diogo Mateus (2), Eduardo Person (2), Pablo (2), Carlão (1), Luiz Gustavo (1), Matheus Souza (1), Rafael Costa (1), Renanzinho (1), Thales (1), Tony (1)

Temporada 2021: Régis (8), Bruno Sávio (7), Bidu (3), Julio César (3), Andrigo (2), Diogo Mateus (2), Carlão (1), Matheus Souza (1), Pablo (1), Thales (1), Tony (1)

Série B 2021: Régis (7), Bruno Sávio (5), Bidu (3), Julio César (3), Andrigo (2), Diogo Mateus (2), Carlão (1), Matheus Souza (1), Pablo (1), Thales (1), Tony (1)

CAPITÃO
Mais vezes capitão do time na temporada 2021: Bruno Silva (31), Airton (8), Thales (1), Tony (1)

Mais vezes capitão do time na Série B 2021: Bruno Silva (27), Thales (1)

BOLAS PARADAS
Último gol de falta: Lucas Crispim (31/08/2020 – Guarani 1 x 1 Oeste – Brinco de Ouro, em Campinas, pela Série B)

Último gol de pênalti em tempo regulamentar: Lucão do Break (24/08/2021 – Guarani 3 x 0 Operário – Brinco de Ouro, em Campinas, pela Série B)

Última defesa de pênalti em tempo regulamentar: Jefferson Paulino (20/02/2020 – Palmeiras 1 x 0 Guarani – Allianz Parque, em São Paulo, pelo Campeonato Paulista)

DUPLAS DE ZAGA TITULARES

Thales e Ronaldo Alves: 15 jogos, com oito vitórias, quatro empates, três derrotas e 12 gols sofridos
Thales e Carlão: sete jogos, com duas vitórias, dois empates, três derrotas e dez gols sofridos
Ronaldo Alves e Carlão: três jogos, com uma vitória, um empate, uma derrota e quatro gols sofridos
Thales e Tití: dois jogos, com um empate, uma derrota e quatro gols sofridos
Ian Carlo e Carlão: um jogo, com um empate e um gol sofrido

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email