Ricardo Moisés detalha pedido de adiamento e enaltece atletas que jogaram

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Após a derrota para o Cuiabá, na qual o Guarani foi para a partida com apenas 13 atletas relacionados, sendo que um deles chegou ao estádio momentos antes do jogo (Lucas Abreu), por conta do surto de Covid-19 sofrido pelo elenco, o presidente do clube, Ricardo Moisés, concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira.

O mandatário explicou que o Guarani pediu o adiamento da partida para o dia 27, mas não foi atendido. “Entramos em contato com a CBF, explicamos que só tínhamos 12 jogadores (com condições de jogo) concentrados em Cuiabá e fundamentamos o pedido. Em conversa com a CBF, eles informaram que só haveria a possibilidade de adiamento para hoje (sexta-feira)”, disse.

Diante deste cenário, em conversa com o departamento de futebol, os atletas que foram diagnosticados infectados alegaram que gostariam de retornar o mais rápido possível para Campinas, para ter os cuidados adequados. “Por isso optamos por fazer esse sacrifício que o Lucas Abreu fez, de chegar em cima do jogo, em prol da coletividade, de todo elenco, e de diminuir o sofrimento que esses atletas estavam em Cuiabá”, explicou Ricardo Moisés.

Ao todo, o Guarani teve 17 desfalques por Covid-19 na partida de ontem: Bidu, Renanzinho, Matheus Souza, Giovanny, Deivid, Mateus Ludke, Caio, Rafael Pin, Bruno Bianconi, Titi, Bruno Silva, Gabriel Mesquita, Jefferson Paulino, Lucas Crispim, Victor Ramon, Waguininho e Walber. No embate diante do Cuiabá, apenas dois atletas ficaram no banco de reservas.

“É um grupo de vencedores. Enalteço demais o trabalho dessa comissão técnica e jogadores. Ontem demonstraram de forma clara que são guerreiros e honram a camisa do Guarani acima de tudo. É muito bom trabalhar com um grupo assim, que mesmo diante de tantas dificuldades se sacrifica para honrar os compromissos do clube.”

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email