Futebol Profissional

Pré-Jogo: Em reencontro com a torcida, Guarani enfrenta o Boa Esporte

Marielson Alves Silva será o árbitro da partida desta noite

Por Guarani Futebol Clube
Publicado em 06/06/2017, às 15:10.

…

Após duas partidas sem a presença de seu torcedor o Guarani Futebol Clube enfim poderá atuar com o apoio de sua torcida. O Bugre cumpriu punição de duas partidas sem presença de torcedores estabelecida pelo STJD e na noite desta terça-feira, às 19h15, contra o Boa Esporte, no Brinco de Ouro, o alviverde volta a campo para esquecer a derrota contra o Vila Nova por 3 a 1, no último sábado (03), em Goiânia.

O Guarani teve pouco tempo para se preparar para a partida desta noite. Levando em consideração a viagem de volta de Goiânia, o Bugre trabalhou apenas na segunda-feira para a partida contra o Boa. O técnico Vadão não armou a equipe mas deu indícios de que deve mandar o mesmo time a campo: “Os atletas sabem o que tem que fazer, neste momento temos que sentar e conversar para ajustar os erros. Sobre a equipe, à rigor nós só temos a volta do Eron e a inscrição do Luiz Fernando, são os mesmos jogadores que viajaram para Goiânia com a entrada desses dois”, disse o técnico em coletiva.

Vadão também falou sobre o reencontro com a torcida: “É muito bom. Esse negócio de falar que o campo vazio ajudou nas vitórias é tudo conversa. Nós temos que ter o torcedor aqui perto de nós. Lá em Goiás, nós dominávamos o jogo até os quinze minutos do primeiro tempo e em uma bola que o Vila Nova acertou, a torcida deles inflamou e empurrou o time pra cima de nós. Quando o torcedor está favorável a equipe, existe uma força muito maior e é isso que contamos”, finalizou o treinador.

Guarani e Boa Esporte fizeram 13 partidas em toda a história dos dois clubes. São 7 vitórias, 2 empates e 4 derrotas. A última partida entre as equipes aconteceu no ano passado, na decisão do Campeonato Brasileiro da Série C. Na ocasião o Bugre empatou na primeira partida em 1 a 1 e foi derrotado por 3 a 0, em Varginha. O Bugre aposta no reencontro com seu torcedor para voltar vencer na competição e se reabilitar na tabela de classificação da Série B.

A bola rola às 19h15, no Brinco de Ouro, Marielson Alves Silva apita a partida, auxiliado por Marcos Welb Rocha e José Carlos Oliveira. Os ingressos estão à venda na bilheteria do Brinco de Ouro com preços fixados em R$ 40 inteira e R$ 20 meia-entrada.