Futebol Profissional

Na raça, Guarani bate o CRB

Bruno Mendes, aos 46' da segunda etapa, fez o gol da vitória do alviverde

Por Gabriel Ferrari
Publicado em 11/11/2017, às 21:57. Atualizado em 17/11/2017 às 15:29.

…

O Guarani retornou ao Brinco de Ouro na noite deste sábado (11) para enfrentar o CRB, em duelo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B e venceu pelo placar de 2 a 1. Luiz Fernando abriu o marcador para o Bugre, Flávio Boaventura empatou mas Bruno Mendes,de cabeça, aos 46′ da segunda etapa garantiu a vitória.

Com o resultado o Bugre ocupa a 14ª colocação com 43 pontos ganhos, três a mais que o Luverdense, primeiro time na zona de rebaixamento. O alviverde volta a campo na próxima terça-feira (14), diante do Londrina, às 19h15, no Estádio do Café.

O Jogo

Após o empate diante do Ceará, o Bugre retornou a Campinas para enfrentar o CRB. O técnico Lisca teve pouco mais de dois dias para trabalhar a equipe. Sem Bruno Nazário suspenso, o treinador optou pelo retorno de Fumagalli ao time titular. Ewerton Páscoa também cedeu lugar a Betinho. O Bugre iniciou a partida com: Leandro Santos; Lenon, Willian Rocha, Diego Jussani e Salomão; Baraka, Betinho, Richarlyson, Fumagalli e Luis Fernando; Caíque.

A primeira etapa começou com a equipe alagoana atacando. Aos 11′, Tinga arriscou da entrada da área e Leandro Santos defendeu sem perigo. O jogo era muito nervoso e de poucas oportunidades e o Guarani respondeu apenas aos 25′. Betinho aproveitou o rebote da defesa e chutou por cima do gol de Edson.

Apesar da falta de oportunidades, o Guarani mantinha a posse de bola e controlava a partida na intermediária de ataque. Aos 29′, a primeira boa trama terminou com gol do alviverde. Luiz Fernando aproveitou o rebote da zaga adversária e chutou rasteiro para inaugurar o marcador.

O gol inflamou a torcida presente no Brinco de Ouro mas o bom momento não durou muito tempo. Aos 34′, Diego cobrou falta e Flávio Boaventura apareceu sozinho para cabecear e empatar. O Guarani ainda teve oportunidade de ampliar aos 42′, mas Fumagalli errou o alvo e a primeira etapa terminou igual.

Diferente da primeira etapa, o segundo tempo começou agitado. No primeiro minuto, Richarlyson cobrou escanteio fechado e obrigou Edson fazer boa defesa. O CRB assustou aos 13′. Chico fez boa jogada e chutou rasteiro obrigando Leandro Santos fazer uma linda intervenção. Aos 15′, foi a vez de Flávio Boaventura desperdiçar de cabeça. Lenon deu o troco aos 22′. O lateral arriscou de longe e a bola passou perto.

Após as boas oportunidades a partida caiu de produção e voltou ficar muito truncada com o esforço físico sobressaindo a parte técnica. As chances ficaram cada vez mais escassas. O Bugre por sua vez, tentou mudar o ímpeto com as entradas de Bruno Mendes, Juninho e Paulinho. As mudanças surtiram efeito e a resposta veio aos 46′. Juninho cobrou falta na área, Bruno Mendes antecipou a marcação e estufou a rede de Edson Kolln garantindo a vitória.

Ficha Técnica

Guarani Futebol Clube x Clube de Regatas Brasil
Estádio Brinco de Ouro, em Campinas

Arbitragem: Cláudio Francisco Lima e Silva – SE, Cleriston Clay Barreto Rios – SE e Aílton Farias da Silva – SE

Gols: Luiz Fernando, aos 29′ – 1º T, Flávio Boaventura, aos 34′ – 1º T e Bruno Mendes, aos 46′ – 2º T
Cartões Amarelos: Guarani: Willian Rocha, Paulinho e Betinho – CRB: Rodrigo Souza
Cartão Vermelho:
Público e Renda: 6.464 – R$ 47.8191,00

 Guarani Futebol Clube

Leandro Santos; Lenon, Willian Rocha, Diego Jussani e Salomão; Baraka, Betinho, Richarlyson (Bruno Mendes), Fumagalli (Paulinho) e Luiz Fernando (Juninho); Caíque. – Técnico: Lisca

 

Clube de Regatas Brasil

Edson Kolln; Marcos Martins, Flávio Boaventura, Adalberto e Diego; Yuri, Edson Ratinho, Rodrigo Souza e Tinga (Tony); Chico (Erick) e Neto Baiano nar(Zé Carlos) – Técnico: Mazola Jr.