Futebol Profissional

Leandro Santos analisa situação do Guarani: “Estamos muito motivados e temos mais um jogo para definir”

Por Guarani Futebol Clube
Publicado em 05/10/2016, às 17:22.

…

Alvo de muitas críticas após a primeira partida contra o ASA, no último sábado (01), em Arapiraca. O goleiro Leandro Santos, um dos símbolos de regularidade do Guarani em todo a competição, concedeu entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (05), na sala de imprensa do Brinco de Ouro.

Leandro iniciou a coletiva falando exatamente sobre a atuação diante da equipe alagoana: “Eu escutei muita coisa por aí nessa semana. Nesse momento tenho que ter tranquilidade e cabeça no lugar porque ainda está nas nossas mãos. Eu assumo que o terceiro gol era uma bola defensável que acabou complicando o trabalho. Mas como eu falo sempre, quando vencemos nós dividimos os méritos e quando acontece a derrota nós também dividimos” salientou Leandro.

O goleiro comentou também sobre o clima do elenco: “Estamos muito motivados, ainda tem mais um jogo, sabemos que a torcida vai comparecer e vai nos empurrar. Nós vamos reverter isso aqui dentro de casa. Estamos com “sangue nos olhos” para poder conseguir esse acesso que sonhamos tanto, não merecemos ficar sem isso depois da primeira fase que fizemos” finalizou.

Gléguer também falou em entrevista coletiva. Gabriel Ferrari / Guarani F.C
Gléguer também falou em entrevista coletiva. Gabriel Ferrari / Guarani F.C

Gléguer, preparador de goleiros, comentou a atuação do goleiro do Bugre: “Eu conversei muito com o Leandro após a partida. Ele é um cara que escuta muito e sabe da forma que eu penso. No primeiro gol eu achei que ele poderia ter abaixado um pouco mais, apesar de ter sido uma batida muito violenta. No segundo gol ele me explicou que foi uma bola muito rápida, concordo que foi uma bola de extrema dificuldade. No terceiro nós entramos em um consenso, estava ventando muito, a bola variou e foi saindo da mão dele” explicou o preparador.

Gléguer também falou sobre as condições na partida em Arapiraca: “A iluminação não era das melhores, tava ventando também, nós que jogamos no gol sabemos. Vamos encontrar várias condições adversas e temos que estar preparados para tudo, não podemos nos escorar nessas situações para justificar”, concluiu.

Guarani volta à campo no próximo sábado (08), às 18h30, contra o ASA, no Estádio Brinco de Ouro.