Futebol Profissional

Em Varginha, Guarani é derrotado pelo Boa Esporte

Bruno Mendes marcou o único gol na derrota por 2 a 1.

Por Guarani Futebol Clube
Publicado em 20/10/2018, às 20:34.

…

O Guarani visitou o  Boa Esporte neste sábado (20), no Estádio Dilzon Melo, em Varginha, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B e foi derrotado por 2 a 1. Apesar de Bruno Mendes abrir o marcador para o Bugre, Hélder e Manoel viraram para o time mineiro.

Com o resultado, o Alviverde ocupa a oitava colocação com 45 pontos. O próximo confronto é diante do Oeste, sábado (27), às 16h30, no Brinco de Ouro.

O Jogo

Após a derrota para o Avaí, o técnico Umberto Louzer promoveu mudanças na equipe para o duelo contra o Boa Esporte. Romário e Marcão nas vagas de Pará e Jeferson Nem. O Bugre entrou com: Agenor, Kevin, Phillipe Maia, Fabrício e Romário; Ricardinho, Willian Oliveira, Matheus Anjos e Matheus Oliveira; Marcão e Bruno Mendes

Primeiro Tempo

O jogo começou eletrizante. Logo aos 2′, Bruno Mendes abriu o placar para o Guarani. Após escanteio cobrado por Matheus Anjos, o atacante antecipou-se à marcação e, de cabeça, fez o primeiro do Alviverde. O Bugre porém, não teve nem tempo de comemorar, aos 4′, em rápido contra-ataque Hélder aproveitou a bobeada da defesa Bugrina e empatou a partida.

Apesar do bom início, o jogo perdeu em intensidade logo na sequência. Sob forte calor, os dois times passaram a se estudar e não se expuseram tanto. O Bugre voltou atacar novamente somente no final da primeira etapa. Aos 40′, Matheus Anjos sofreu falta na entrada da área e acertou a barreira na cobrança.

Aos 45′, Matheus Anjos deixou para Kevin, o lateral cruzou e, na hora de chutar, Bruno Mendes foi travado pela marcação.

Segundo Tempo

A segunda etapa também começou movimentada, mas dessa vez foi a equipe da casa que começou assustando. Logo no primeiro minuto, Thallyson tentou pelo lado direito e levou perigo ao gol de Agenor. Aos 04′, o Thallyson cruzou novamente da direita e Alyson cabeceou para boa defesa do goleiro Bugrino. O time Boveta assustou novamente aos 08′ e aos 16′, com Manoel.

Após o início melhor do adversário, Umberto Louzer promoveu as entradas de Felipe Rodrigues e Poveda nas vagas de Marcão e Bruno Mendes. Com mais mobilidade, o Alviverde voltou a criar e, só não virou aos 18′, porque Fabrício fez um verdadeiro milagre no chute de Felipe Rodrigues, à queima-roupa, já dentro da área. No lance seguinte, Philipe Maia, de cabeça também assustou.

Aos 23′, Matheus Anjos recebeu de Poveda e chutou para fora. Mas, apesar das chances criadas, o Bugre não soube ser efetivo e viu o Boa Esporte virar o marcador. Aos 28′, Manoel recebeu cruzamento e, de cabeça, fez o segundo. Atrás no marcador, o Bugre teve de se lançar ao ataque, mas não teve efetividade para empatar.

Ficha Técnica

Boa Esporte Clube x Guarani Futebol Clube
Estádio Dilzon Melo, em Varginha
Arbitragem: Andrey da Silva e Silva
Gols: Bruno Mendes (Guarani); Hélder e Alyson
Cartão Amarelo: Willian Oliveira (GUA) ; Bruno Tubarão, Douglas Baggio (Boa Esporte)
Cartão Vermelho: –
Público e renda: –

Boa Esporte Clube

Fabrício; Helder (Maycon), Rodrigo, Rafael Jensen e Alyson; Machado (Douglas Baggio) e Cloves; Bruno Tubarão, Daniel Cruz e Thallysson (PH); Manoel Técnico: Tuca Guimarães

Guarani Futebol Clube

Agenor, Kevin, Phillipe Maia, Fabrício e Romário; Ricardinho, Willian Oliveira, Matheus Anjos e Matheus Oliveira (Caíque) ; Marcão(Poveda) e Bruno Mendes (Felipe Rodrigues). Técnico: Umberto Louzer.